Capa » Projetos » Sensores geotecnicos » Sensores geotécnicos
cemaden- sensores geotecnicos

Sensores geotécnicos

Sensores Geotécnicos para Monitoramento de Deslizamentos

O Projeto de Monitoramento Geodinâmico de encostas está sendo desenvolvido, desde 2013, pelo Cemaden, com o processo de aquisição dos equipamentos até a estruturação da pesquisa.

Em 2014 foi instalada a primeira Estação Total Robotizada (ETR) nas encostas do município de Campos do Jordão (SP), com recursos do Projeto CNPq.

As Estações Totais Robotizadas (ETRs) cobrem um horizonte de 360 graus, a partir de um ponto central no meio de uma área rodeada por encostas. Serão instalados em locais seguros, com visibilidade e cobertura ampla, com alcance de cobertura de até 2,5 km.

Prisma ETR – Cemaden 2015

Visando ampliar e complementar os dados enviados via internet pelas ETRs, também será instalado, na segunda etapa, um conjunto de equipamentos de monitoramento geotécnico compostos por pluviômetros automáticos e sensores de umidade de solo – para que sejam coletados os dados sobre a quantidade de chuva acumulada e o conteúdo de água no solo.

O Cemaden está trabalhando com o apoio da Defesa Civil local e das prefeituras dos municípios onde serão instalados todos os equipamentos, para a divulgação e conscientização da importância do projeto junto à comunidade e moradores das áreas de risco.

A Rede Geotécnica de monitoramento in situ de deslocamento, chuva e umidade do solo em encostas urbanas tem a capacidade de fornecer dados em tempo real. Os dados fornecidos pela Rede Geotécnica permitirão compreender melhor a dinâmica de movimentação das encostas (mecanismos de ruptura), bem como a quantidade de chuva acumulada e o conteúdo de umidade do solo necessários para a deflagração dos deslizamentos em cada localidade. Com base nesses estudos, pretende-se obter informações que possibilitem produzir e emitir alertas antecipados de deslizamentos com maior confiabilidade.