Capa » Noticias » Cientistas e representante do governo britânico se reúnem no Cemaden para discutir estratégias de mitigação de riscos associados às mudanças climáticas

Cientistas e representante do governo britânico se reúnem no Cemaden para discutir estratégias de mitigação de riscos associados às mudanças climáticas

Com o objetivo de fortalecer as estratégicas do programa de cooperação científica desenvolvidas entre Brasil e Reino Unido, o diretor do Met Office Hadley Centre for Climate Science and Services,  Albert Klein Tank se reuniu com gestores e pesquisadores do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), em São José dos Campos, no último dia 2 de abril. O diretor do instituto climatológico britânico esteve acompanhado da cientista Julien Menadue, também do Met Office, e da representante da Embaixada do Reino Unido, em Brasília, Mariana Veiga.

Foram discutidas as áreas prioritárias das pesquisas e aplicação da ciência e tecnologia, no âmbito do Climate Science for Services Partnership -CSSP- ( Parceria para Serviços de Ciência do Clima), programa de pesquisa climática, que visa desenvolver modelos científicos conjuntos para análise de mudanças climáticas.

O acordo bilateral de parcerias científicas para estudos climáticos é financiado pelos governos do Reino Unido e do Brasil, por meio do Fundo Newton, firmada entre o UK Met Office Hadley Centre e três institutos ligados ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC): o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden). o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) e o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

Os pesquisadores do Cemaden apresentaram os trabalhos de monitoramento e mitigação de riscos, desenvolvidos desde 2016, na área hidrológica e de impactos da seca no Brasil. Foram discutidas, também, as prioridades dos países para o próximo ano, dentro do Programa CSSP,  bem como ampliação dos trabalhos de intercâmbio científico entre Cemaden e Met Office.

O Programa Climate Science for Service Partnership Brasil (CSSP) visa colaborar com o desenvolvimento de modelos científicos para análise de mudanças climáticas, nas áreas de pesquisa em ciclo de carbono e modelagem; modelos climáticos e impactos climáticos, bem como a redução de risco de desastre no Brasil e no Reino Unido. Os produtos da parceria deverão orientar acordos do Brasil em fóruns internacionais, informando tomadores de decisões sobre mitigação dos riscos de desastres naturais, associados às mudanças climáticas.

Do Cemaden, participaram da reunião com os cientistas do Met Office : o diretor do Cemaden, Osvaldo Moraes; o coordenador-geral de Pesquisa e Desenvolvimento, José Marengo; a coordenadora de Relações Institucionais, Regina Alvalá e os pesquisadores integrantes do Programa CSSP Brasil : Liana Anderson, Conrado Rudorff, Christopher Castro, Marcelo Zeri e Márcia Guedes.

(Fonte: Ascom/Cemaden)

 

 

Confira também

Cemaden divulga o Boletim de Impactos em áreas estratégicas para o Brasil

Foi divulgado ontem (14) o Boletim Mensal de Previsão de Impactos em atividades estratégicas para …