Capa » Noticias » Adaptação de rodovias federais a desastres naturais é discutida entre pesquisadores da UFSC e Cemaden

Adaptação de rodovias federais a desastres naturais é discutida entre pesquisadores da UFSC e Cemaden

20160504_093920-1

 

As discussões científicas e reuniões temáticas sobre desastres naturais estão inclusas na agenda do trabalho de elaboração do Plano de Adaptação de Rodovias Federais a Desastres Naturais, do Ministério dos Transportes, desenvolvido pelos pesquisadores da Universidade Federal de Santa Catarina.

 

A comitiva de professores e pesquisadores integrantes do Laboratório de Transporte e Logística (LabTrans), da Universidade Federal de Santa Catarina,  esteve por dois dias no Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, discutindo e conhecendo as atividades de monitoramento e pesquisas na área de desastres naturais e os impactos nas rodovias.

 

As discussões científicas e abordagens sobre desastres naturais integram o trabalho de elaboração do Plano de Adaptação de Rodovias Federais a Desastres Naturais, no qual a comitiva do LabTrans  tem parceria com o Ministério dos Transportes, por meio do Departamento Nacional de Infraestruturas de Transporte (DNIT).

 

Os pesquisadores do LabTrans conheceram a Sala de Situação do Cemaden, apresentaram trabalhos na Série de Debates (programa do Cemaden para fórum de discussões científicas), além de participarem das reuniões temáticas em meteorologia, hidrologia, geodinâmica e vulnerabilidades.

 

Durante a visita técnica do LabTrans – representado pelos pesquisadores Valter Tani, Caroline Rosa, Soraia Schneider e Tairi Ikeda – foram discutidas propostas de cooperação técnica  e científica com o Cemaden. Nessa parceria, integram treinamentos, colaborações científicas e discussões sobre monitoramento e alertas de desastres naturais, considerando os impactos socioeconômicos desses eventos, especialmente quando afetam infraestruturas do setor de transporte.

 

Discussões sobre impactos dos desastres naturais na infraestrutura de transporte e mobilidade urbana

 

 

Pesquisadores do Cemaden apresentarão um trabalho científico, no III Congresso da Sociedade de Análise de Risco Latino Americana, a ser realizado nos próximos dias 10 a 13 de maio, em São Paulo. O trabalho tem a participação da pesquisadora Silvana Croope, da Universidade de Delaware (EUA), integrante do comitê de elaboração do Plano de Adaptação de Rodovias Federais a Desastres Naturais.

 

“Para construção do panorama apresentado neste trabalho, foram analisados  diferentes documentos oficiais na interface entre as temáticas de Transporte e de Desastres Naturais, como o Planejamento Estratégico do DNIT e o relatório ´Brasil 2040: cenários e alternativas de adaptação à mudança do clima´, enfatiza o pesquisador do Cemaden, Leonardo Bacelar L. Santos.

 

Outro evento que contará com a parceria do Cemaden será o 2º Encontro sobre Impactos Potenciais de Desastres Naturais em Infraestruturas de Transporte e Mobilidade Urbana (IPTMU), organizado pela Faculdade de Engenharia Ambiental da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp), entre os dias 4 e 6 de outubro de 2016, em São José dos Campos (SP). Mais informações no link :  ambientemobilidade.wix.com/site

 

Confira também

Metodologias para antecipar alertas em eventos meteorológicos severos são apresentadas na Série de Debates

O desafio da previsão e monitoramento de tempestades severas – as quais podem resultar em …