Capa » Noticias » Institutos de pesquisa indiano e norueguês visitam o Cemaden e fazem intercâmbio de estudos sobre vulnerabilidades e mudanças climáticas

Institutos de pesquisa indiano e norueguês visitam o Cemaden e fazem intercâmbio de estudos sobre vulnerabilidades e mudanças climáticas

Pesquisadores do Instituto de Energia e Recursos “Darbari Seth Block”, da Índia ( Energy and Resources Institute Darbari Seth Block – India Habitat Centre)  e do Centro Norueguês de Pesquisa (NORCE- Norueguês Research Center AS) estiveram em visita acadêmica, na última sexta-feira (24), no Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), em São José dos Campos (SP).

A comitiva de pesquisadores visitantes foi recebida pelo coordenador-geral de Pesquisa e Desenvolvimento do Cemaden, climatologista José Marengo. Em reunião com pesquisadores, tecnologistas e analistas em ciência e tecnologia do Cemaden, Marengo apresentou aos visitantes os trabalhos desenvolvidos para a redução de risco de desastres no Brasil, com abordagem sobre as inovações do sistema de alerta do Cemaden.

O pesquisador  indiano Saurabh Bhardway, do Instituto de Energia e Recursos, mostrou o trabalho com modelagem climática, no desenvolvimento da variabilidade climática em escalas regionais. O instituto indiano estuda os riscos e vulnerabilidades com a água, saúde, agricultura, indústria, energia, clima, meio ambiente, cidades e recursos. Na área de clima, realizam pesquisas e elaboram recomendações sobre políticas públicas aos gestores.

Do Centro Norueguês de Pesquisa (NORCE) -ligado à Universidade de Bergan, na Noruega- o pesquisador Michel Mesquita apresentou estudos abordando a nova perspectiva da dinâmica climática, com base na oscilação do Atlântico Norte. Fez abordagens sobre a Circulação Meridional Transversal do Atlântico (AMOC – Atlantic Meridional Overturning Circulation), que tem sofrido oscilações, com mudanças temporais das correntes oceânicas associadas às mudanças climáticas. Mostrou que a circulação das correntes marítimas são importantes para o clima global, regulando os padrões climáticos no Ártico, na Europa e em todo o mundo.

Na programação da reunião, os pesquisadores do Cemaden e o pesquisadores visitantes puderam discutir e debater vários aspectos dos estudos e pesquisas na área climática e de vulnerabilidades socioambientais.

No final da reunião, visitaram a Sala de Situação do Cemaden e receberam explicações sobre o monitoramento e emissão de alertas, dadas pelo tecnologista e pesquisador de extremos meteorológicos, Diego Oliveira de Souza.

A programação da visita foi organizada pela analista em ciência e tecnologia, Selma Santos. Do Cemaden, além do coordenador-geral de Pesquisa e Desenvolvimento, José Marengo, participaram da reunião com os visitantes: os tecnologistas Diego Oliveira de Souza e Pedro Ivo Camarinha; e a pesquisadora da área de vulnerabilidades socioambientais, Luciana Londe.

A comitiva dos visitantes era integrada pelos pesquisadores Saurabh Bhardway e Santosh Kumar Muriki  (do THe  Energy and Resources Institute Darbari Seth Block, India Habitat Centre); Michel Mesquita ( da NORCE Norueguês Research Center AS), acompanhados pelos pesquisadores brasileiros : Lincoln Muniz Alves e Naurinete Barreto (do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais-INPE) e de Leonardo Amaral Monteiro (da Universidade Estadual de Campinas- Unicamp)

( Fonte: Ascom/Cemaden)

Confira também

Cemaden realiza oficina científica e tecnológica sobre prevenção de deslizamentos a estudantes de Santos

(Foto:Ascom/Cemaden) Com o objetivo de apresentar informações científicas sobre a tipologia de solos e o …