Capa » Noticias » Estudantes e instituições do Vale do Paraíba mostrarão trabalhos científicos na Semana de Ciência e Tecnologia

Estudantes e instituições do Vale do Paraíba mostrarão trabalhos científicos na Semana de Ciência e Tecnologia

Na tarde desta quinta-feira (18), 20 escolas municipais e estaduais,  três universidades e 14 instituições do Vale do Paraíba, estarão no Parque Vicentina Aranha, em São José dos Campos (SP), participando da programação da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia. Organizado pelo Cemaden Educação e diversas instituições de ciência, tecnologia, educação e cultura da região, os alunos, professores, Defesas Civis e representantes das instituições participam da mostra de trabalhos científicos, vídeos e apresentações culturais, com o tema voltado à redução de riscos de desastres e redução de desigualdades sociais.

 

Promovido em todo território nacional, pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT-2018) terá como tema “Ciência para Redução das Desigualdades”. A programação regional no Vale do Paraíba, entre os dias 15 e 20 de outubro, contam com diversos eventos organizados por instituições de ciência, tecnologia, educação e cultura da região, a serem realizados no município de São José dos Campos (SP).

Dentro da programação, o Cemaden Educação – projeto do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden)  – está organizando a articulação de 37 instituições, envolvendo cerca de 400 participantes – vindos de escolas, universidades e instituições da região –  para o Sarau Ciência & Arte e a Mostra Científica. A programação ocorrerá amanhã, dia 18 de outubro (quinta-feira), das 14 às 17 horas, no Parque Vicentina Aranha, em São José dos Campos e está aberta ao público em geral.

Discussões, Sarau e Mostra Científica

A abertura do evento está prevista para as 14 horas, com discussões sobre o tema “Ciência para Redução das Desigualdades” e apresentações artísticas no Sarau Ciência & Arte, no quiosque do Parque Vicentina Aranha.

A partir das 15h30, será aberta a Mostra Científica e apresentação de vídeos pelos estudantes de escolas municipais e estaduais dos municípios de São José dos Campos, Caçapava, São Luiz do Paraitinga, Campos do Jordão, Atibaia, Cunha, Paraibuna, São Bento do Sapucaí, Caraguatatuba e Ubatuba. Nessa mostra, também serão apresentados os trabalhos desenvolvidos pelas Defesas Civis municipais de São José dos Campos, São Bento do Sapucaí, Campos do Jordão, São Paulo e Guarulhos.

Além do tema da SNCT, a Mostra Científica organizada pelo Cemaden Educação também abordará o tema “Redução de Risco de Desastres e Vulnerabilidade da População”. Os estudantes e Defesas Civis mostrarão projetos, experimentos e produtos resultantes de pesquisas, no formato de maquetes, cartazes, banners, protótipos, vídeos,  entre outros.

Alguns exemplos de trabalhos desenvolvidos pelas escolas

A Escola Estadual Prof. Ilza Irma Moeller Coppio, de São José dos Campos, inscreveu oito trabalhos de iniciação científica  ligados às temáticas da Educação em Redução de Riscos de Desastres ( ERRD)  e da SNCT. Destacam-se em relação a ERRD, os trabalhos: o experimento com arduíno (ferramenta com programação digital) Alerta -Chuva na SP-50 (estrada que liga SJC à Monteiro Lobato); Cartografia Social na redução de riscos de desastres socioambientais e o Protagonismo Juvenil.

Outra escola do município de São José dos Campos, a Escola Municipal Profa. Maria Nazareth de Moura Veronese participará da Mostra Científica com o tema: “Direito à moradia livre de riscos: isso é fundamental”.

A escola municipal Presidente Tancredo Neves, de Ubatuba,  está montando uma rede de monitoramento de chuvas, utilizando pluviômetros produzidos com material de garrafas PET. Apresentam, na Mostra Científica, o trabalho “Mapeamento das chuvas nas bacias hidrográficas do município de Ubatuba”.

No Sarau Ciência & Arte, a Escola Estadual Geraldo Martins dos Santos, de Paraibuna, vai apresentar a música “Falando de comunidades resilientes – Chuva e Seca. Essa escola também participará da Mostra Científica, apresentando “Jogo como estratégia para formação de agentes multiplicadores em Educação para Redução de Riscos de Desastres.

Promotoras da SNCT no Vale do Paraíba

As instituições promotoras da SNCT 2018 do Vale do Paraíba são: Centro Nacional de Monitoramento e Alerta de Desastres Naturais (Cemaden), Instituto de Ciência e Tecnologia da Universidade Estadual Paulista (ICT- Unesp), Secretaria de Educação e Cidadania de São José dos Campos, Associação para o Fomento de Arte e Cultura (AFAC) do Parque Vicentina Aranha, Projeto Ciência no Parque, Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e Instituto Florestal de São Paulo, Visiona Tecnologia Espacial, e Sociedade de Especialistas Latino-Americanos em Sensoriamento Remoto (Selper Brasil).

( Fonte: Ascom/Cemaden)

Confira também

Pesquisa coordenada pelo Cemaden sobre crise hídrica foi tema de questão do Enem deste ano

  A pesquisa intitulada “A seca e a crise hídrica de 2014-2015 em São Paulo”, …