Capa » Noticias » Cemaden recepciona servidores concursados com palestras

Cemaden recepciona servidores concursados com palestras

O Centro de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação(MCTI), realizou palestras entre os dias 14 e 17 de outubro aos 72 novos servidores efetivados por concurso público, os quais ingressaram desde setembro deste ano nas carreiras de tecnologistas, pesquisadores e analistas da instituição.

As palestras fazem parte do Programa de Ambientação dos Novos Servidores da área de Recursos Humanos e foram realizadas pela equipe do MCTI e de gestores do Cemaden.  O objetivo foi o de apresentar e tirar dúvidas sobre os direitos e deveres dos servidores públicos federais, além de mostrar a missão do Cemaden e seu sistema de gestão de monitoramento, previsão de ocorrências  e alertas de desastres naturais nas áreas de riscos e vulnerabilidade em todas as regiões do Brasil.

A diretora do Cemaden, Regina Célia dos Santos Alvalá, fez um breve histórico da origem da instituição, destacando o trabalho de monitoramento e alertas de desastres naturais e sua importância social para minimizar os impactos sociais e econômicos provocados por inundações, deslizamentos, secas, entre os diversos desastres naturais. Fez um relato sobre a origem do projeto sobre desastres naturais – no âmbito do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação – das pesquisas e intercâmbios científicos com outros centros mundiais que tratam do tema.

As pesquisas e as ações realizadas nos últimos dez anos, de forma multidisciplinar – envolvendo as áreas de meteorologia, recursos hídricos, geologia e desastres naturais – foram o embrião do Cemaden. A diretora informou que, com essa experiência adquirida,  a instituição passa a ser um modelo inovador em nível mundial no sistema aprimorado de previsão, preparação, prevenção e redução dos impactos ambientais, sociais e econômicos, tornando-a  única na América Latina.

 “Desde a criação oficial do Cemaden, em 2011, já foram emitidos mais de 2 mil alertas, enviados ao  Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres  (Cenad), do Ministério do Interior, fundamentais para salvar vidas.”, afirma a diretora do Cemaden, complementando: “ O monitoramento das áreas de riscos possibilita fazer o alerta com antecedência dos desastres naturais, tornando mais eficazes e rápidas as ações da Defesa Civil na prevenção e respostas nas regiões vulneráveis aos desastres naturais.”

Os aprovados que ingressaram no quadro permanente do Cemaden são compostos por profissionais de diversas áreas de conhecimento, atendendo os setores de operação, monitoramento, alertas e pesquisa em desastres naturais, além da área de gestão, planejamento e infraestrutura. A nova equipe nomeada é composta por 40 tecnologistas, 15 pesquisadores e 17 analistas.

Representando o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, participaram na Semana de Ambientação o Coordenador-Geral de Meteorologia, Climatologia e Hidrologia, Silvestre Aguiar e o Coordenador de Recursos Humanos, Flávio Coutinho com a equipe do RH do ministério. Além da diretora do Cemaden, Regina Alvalá, participaram, também os coordenadores-gerais de Pesquisa, Marcelo Seluchi, o de Operação e Modelagem, Eduardo Mário Mediondo e o coordenador de Pesquisa em Mudanças Climáticas, José Antonio Marengo.

Confira também

Cemaden inicia a instalação de equipamentos da RedeGeo para monitoramento e pesquisas aplicadas sobre deslizamentos

    A equipe de pesquisadores da área geodinâmica/geologia, do Centro Nacional de Monitoramento e …